replica rolex rolex is still the best choice inside of the global watch market sector.
diamond painting made in usa.

what companies are selling legit cheap sex doll?

Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Colaboração CBPF / UERJ / IMB-CNM é tema de tese premiada pelo Crea-RJ

  • Publicado: Sexta, 12 de Novembro de 2021, 14h47
  • Última atualização em Sexta, 12 de Novembro de 2021, 15h18
  • Acessos: 42

A bolsista do Programa de Capacitação Institucional do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (PCI/CBPF) e pós-graduada em Engenharia Mecânica da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Maybi Falker Sampaio, ganhou prêmio como uma das melhores teses de doutorado dos anos de 2019-2020 pelo Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura do Rio de Janeiro (Crea-RJ).

A tese, intitulada “Desenvolvimento e fabricação de um protótipo de um dispositivo multiplicador de elétrons a gás Micromegas com substrato de Silício e isolante SU-8”, coorientada pelo tecnologista do CBPF Herman Lima Jr. visa a pesquisa e desenvolvimento de novos dispositivos multiplicadores de carga e seu uso em detectores de imagens de raio-X.

A solenidade de premiação foi realizada ontem, dia 11/11, e está disponibilizada no canal do Crea-RJ no YouTube.

Maybi Sampaio no laboratório com protótipo
(Crédito: Arquivo Pessoal)

 

Caminho até o prêmio

Com uma bolsa de doutorado sanduiche (programa de estudos em que o estudante realiza parte dos seus estudos em outro país), Sampaio passou 10 meses entre os anos de 2017-2018 na cidade de Barcelona, na Espanha, aprendendo com pesquisadores colaboradores a processar e fabricar o dispositivo Micromegas. O estudo foi realizado no principal instituto da Espanha dedicado à pesquisa e desenvolvimento de micro e nanotecnologia, o Instituto de Microeletrônica de Barcelona – Centro Nacional Microeletrônica (IMB-CNM).

 

Uma década de colaboração

O projeto faz parte de uma colaboração entre o CBPF, o Laboratório de Nanofabricação e Caracterização de Nanomateriais (NANOFAB) da UERJ e o IMB-CNM Espanha que visa o desenvolvimento de estruturas multiplicadoras de elétrons em dispositivos fabricados em substrato de silício com furos microscópicos.

A parceria começou oficialmente em fevereiro de 2011 quando foi aprovado o primeiro projeto de colaboração técnico-científica, pelo programa Gran Instalación Científica Servício / Instalaciones Científico-Técnicas Singulares (GICSERV/ICTS) do governo espanhol.

O Laboratório de Sistemas de Detecção (LSD) do CBPF com o NANOFAB da UERJ, neste contexto desenvolveu, na etapa inicial de trabalho, a concepção do desenho detalhado de estruturas geométricas que possibilitem o uso dos dispositivos como detectores de partículas e pela construção dos detectores. O CNM foi responsável pela fabricação das microestruturas eletrônicas. Esta primeira etapa produziu uma patente internacional publicada (PCT/ES2015/070082, do dia 20/08/2015).

 

 

Visão detalhada do dispositivo Micromegas
(Crédito: Arquivo Pessoal)

 

 

A preparação de Sampaio para o seu estágio de doutorado sanduíche no IMB-CNM contou com o apoio e parceria do Laboratório Multiusuário de Nanociência e Nanotecnologia (LABNANO) do CBPF, na figura dos pesquisadores João Paulo Sinnecker e Rubem Sommer, onde recebeu treinamento específico em microfabricação de dispositivos.

 

Futuro

Ao seu retorno ao Brasil, a aluna vem desenvolvendo a parte de transferência tecnológica na fabricação do dispositivo Micromegas utilizando a infraestrutura do NANOFAB/UERJ e do LABNANO/CBPF e está desenvolvendo o domínio desta etapa de microfabricação deste componente no Brasil, que hoje é desenvolvida na Espanha. Além disso, estão sendo realizados testes dos protótipos dos dispositivos fabricados durante o estágio de doutoramento sanduíche no CNM/IMB de Barcelona.

Sampaio foi admitida no Edital 01/2021 no Programa PCI/CBPF e utilizará esta bolsa para dar continuidade ao projeto, atuando no LSD/CBPF.

 

 

Mais informações:

Prêmio Crea-RJ de Trabalhos Científicos e Tecnológicos: https://novoportal.crea-rj.org.br/premiocrea/

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página