replica rolex rolex is still the best choice inside of the global watch market sector.
diamond painting made in usa.

what companies are selling legit cheap sex doll?

Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Ainda dá tempo de participar da 4ª O2I: prepare-se para inovar com ciência

  • Publicado: Sexta, 11 de Novembro de 2022, 15h21
  • Última atualização em Sexta, 11 de Novembro de 2022, 15h21
  • Acessos: 64

O Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF), no Rio de Janeiro (RJ), promove de 16 a 18/11, a 4ª Oficina de Instrumentação e Inovação (O2I), com o tema: Science and Deep Tech Innovation.

 

As inscrições continuam abertas para profissionais, estudantes, professores e empresários com interesse em Ciência, Desenvolvimento Tecnológico, Deep Tech e Inovação promovidos nas áreas da física, engenharias, química, saúde humana e ciências afins.

 

O objetivo do encontro é apresentar as pesquisas atuais e oportunidades para a próxima grande onda de inovação impulsionada pela ciência.

 

Para ajudar quem ainda tem dúvidas sobre a importância de inovar a partir da ciência, o Núcleo de Comunicação Social (NCS) do CBPF convidou a equipe do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT Rio), para apresentar três motivos para participar do evento:

 

Se você gosta das novidades que a ciência traz, bem como tecnologia e suas aplicações, você deve participar para entender como o instituto brasileiro de pesquisa em Física do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações atua nas mais diversas áreas tecnológicas, desde seu estágio embrionário até suas aplicações e colaborações com diversos países ao redor do mundo.

 

Os instrumentos científicos de hoje serão os produtos de alta tecnologia de amanhã! O que hoje chama-se “ciência de base” está diretamente relacionado à “tecnologia de ponta” do futuro. As novas tecnologias nascem de uma pesquisa científica (sendo então uma INVENÇÃO) que, com o devido apoio, torna-se uma tecnologia a ser comercializada (tornando-se uma INOVAÇÃO) e aplicada nos mais diversos segmentos da sociedade, como medicina, entretenimento, setor de óleo e gás, construção cível, agrícola etc.

 

Participar das oportunidades de cooperação de relações dos institutos de pesquisa com as empresas. Entender como ocorre a interação entre empresas privadas e centros de pesquisa, e como eles podem fazer colaborações tecnológicas que venham trazer mais benefícios para a sociedade.

 

A programação é dividida em 3 partes: i) Minicursos; ii) P&D e a inovação no CBPF; e iii) Ambientes de Inovação e a Ciência. Está prevista a realização de uma sessão de pôsteres no segundo dia do evento e uma mesa-redonda no último dia sobre como a ciência pode induzir a inovação no país e o papel estratégico do Estado Brasileiro.

 

 

 

 Quer saber um pouco mais sobre o evento? Acesse https://o2i.cbpf.br/

 

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página